Li até à Pág.100 #28

outubro 23, 2013

- Poe - 

Poe

Primeira frase da página 100:
"I have watched enough cheesy detective television shows in my young life to know that when one is presented with an inexplicable mystery, the first order of business (after procuring good donuts and coffee - check) is to create a wall of clues with photos of suspects and article clippings, preferably in an artistic yet seemingly random fashion."

Do que se trata o livro?
Poe conta a história de Dimitri Petrov, um jovem que morreu e que voltou à vida passadas várias horas. Desde a sua morte que se sente assombrado por algum tipo de espírito, enquanto começa a ter sonhos estranhos de vítimas de um assassino em série.

O que está achando até agora?
Estou a gostar bastante de ler, pois a escrita é muito divertida e o tema é bastante curioso.

O que está achando da protagonista?
Dimitri é uma personagem muito engraçada, pois lida com a sua assombração de uma maneira muito despreocupada, e tendo em conta tudo o que lhe acontece, continua a viver calmamente.

Melhor quote até agora:
Nenhuma.

Vai continuar lendo?
Claro que sim.

Última frase da página:
"#5 POE"

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.