sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

[Desafio Literário V] A Monster That Couldn't Love, de Emari Valdicar - Opinião

Desafio Literário #2
Título: A Monster That Couldn't Love
Autor: Emari Valdicar
Editora: Amazon
Ano de Publicação: 2013
Número de Páginas: 14

As últimas letras do alfabeto não são muito fáceis para conseguir completar o segundo Desafio Literário do Eu e o Bam. Para a letra V, fui dar uma vista de olhos nos e-books que tinha no Kindle - e encontrei alguém cujo nome começa com V. O autor não me dizia nada, e decidi experimentar.

Estive tão, mas tão perto de desistir. A história é um bocadinho confusa - com alguns espaços temporais estranhos e inexplicáveis - e tudo o que consegui perceber é que estamos perante um lobisomem... sem-abrigo?, cujo amor da sua vida foi assassinado, e penso que o seu irmão também foi, e ele jura vingança. Tudo isto num conto, sim. Não é impossível, mas claramente Emari Valdicar quase o fez impossível. Porquê?
A escrita é... não me ocorre nenhuma palavra devidamente pejorativa para a qualificar. Imaginem a coisa mais horrível que já alguma vez tenham visto escrito - e exponenciem ao máximo. É essa a maneira como este livro está escrito. O autor ainda se tenta desculpar, a dizer que a personagem principal, o lobisomem, é iletrado e tem um forte sotaque. Foi extremamente difícil de ler, e confesso que fiquei surpresa por ter conseguido decifrar o que cada palavra era, na verdade. Qualquer explicação que o autor quisesse dar seria absolutamente desnecessária se ele não tivesse em primeiro lugar feito o disparate de publicar o livro como está.
A Monster That Couldn't Love é uma prequela ou uma história que acompanha uma série que o autor decidiu escrever (e que, para bem do próprio Valdicar, espero que seja escrita normalmente), e então o desenvolvimento da trama não é propriamente explícito, deixando apenas antever algumas revelações e deixa alguns mistérios no ar. Sinceramente, não estou minimamente curiosa para ler o resto.

Não aconselho este livro a ninguém. É uma perda de tempo e de esforço mental.

Sem comentários :

Enviar um comentário

Obrigada por comentares :)