quinta-feira, 15 de maio de 2014

As Gotas de um Beijo, de Carina Rosa - Opinião

As Gotas de um Beijo
Título: As Gotas de um Beijo
Autora: Carina Rosa
Editora: Alfarroba
Ano de Publicação: 2013
Número de Páginas: 240

Ganhei este livro num giveaway do Goodreads, e a autora ainda o autografou, está tão giro! Andava com alguma curiosidade em ler, mas fui deixando As Gotas de um Beijo na estante até chegar a oportunidade ideal... oportunidade essa que se materializou na Viagem (In)Esperada de Abril, dedicada aos autores portugueses. No entanto, só li uma página do livro, tanto é que nem a contabilizei... mas foi o suficiente para deixar a semente e passado pouco tempo ingressar na leitura.

Confesso que tive um problema com este livro ao início. Quanto mais olhava para ele e pensava nele, mais eu não conseguia deixar de pensar que este livro seria algo cor-de-rosa demais. Com toda a sua cor rosa choque, que certamente me terá começado a toldar o pensamento, cada vez que lia algumas linhas era avassalada por uma onda rosa, que cobria as letras e as imagens formadas no meu pensamento. É um tipo de literatura que não aprecio, mas não o pude evitar. No entanto, reparem bem na primeira capa deste trabalho, em comparação com a actual:


A primeira capa é, simplesmente, lindíssima, e a segunda, principalmente quando comparada com a primeira, é tão... meh.
Mas pronto, agora que a parte gráfica do livro já foi discutida (o conteúdo interior é muito bonito visualmente, mas isso já é algo habitual por parte da Alfarroba), já podemos passar à história em si. É uma narrativa simples, onde conhecemos David, um homem que de repente se encontra dividido entre duas mulheres: Diana, a sua melhor amiga de toda a vida, e Laura, a desconhecida da ourivesaria ao lado do stand. As relações crescem e complicam-se, forçando as personagens a, em último caso, tomar medidas drásticas. Como referi anteriormente, é simples mas uma escrita bastante harmoniosa, correcta e leve. Apesar de haver alguns momentos previsíveis, no conjunto é uma boa história, escrita com bastante sensibilidade e facilmente se denota o carinho que Carina Rosa dedicou a cada página.
As personagens são um bocadinho mais interessantes do que a trama. São personagens reais e com as quais nos conseguimos ligar, pois podem ser os nossos vizinhos, ou até mesmo nós. Apesar de não me ter apaixonado por nenhuma das personagens - David não sabe o que quer, Diana sabe o que quer e demais, e Laura não consegue ser sincera -, reconheço que estão muito bem construídas e trabalhadas, sendo então fácil de haver a ligação leitor-personagem.
Durante a leitura experimentei sentimentos variados em relação às personagens e em relação ao futuro que eu queria que tivessem. Houve momentos em que torci por David e Diana, outras que torci por David e Laura... só me faltou torcer por Diana e Laura. O final foi-me um pouco indiferente, talvez por não me ter conseguido ligar à história verdadeiramente, com uma, com outra, ou sozinho, chegou a um certo ponto em que já não me aquecia nem me arrefecia.
Na verdade, pouco mais tenho a acrescentar sobre este livro. As Gotas de um Beijo fizeram-me relembrar e muito Nicholas Sparks, autor que não aprecio. Mas isso não quer dizer que tenha sido uma má leitura, apenas não é um tipo de livro que me encante. No entanto, acredito que Carina Rosa tenha um futuro promissor nestas narrativas, pois é bem visível a sinceridade e emoção com que a autora trabalhou no livro; esse vislumbre da alma do autor, muitas vezes raro e na sua maioria forçado, neste livro aparece de forma natural, não deixando sequer que o leitor se aperceba dos sussurros dessa alma até já a ter visto.

Já aconselhei o livro a pessoas que sei que adoram Nicholas Sparks, e em breve irei emprestá-lo, precisamente por esse motivo. Não sei se será uma comparação justa ou se a autora vai sequer gostar que a faça, mas não consigo evitar, pois As Gotas de um Beijo tenho a certeza que fará sucesso, e muito, junto desse público. Se se consideram fãs de Sparks e autores deste género, não deixem de ler o livro de Carina Rosa, portuguesa e com tanta ou mais qualidade para andar na boca das pessoas.

6 comentários :

  1. Gostei da tua opinião! Este é um livro que pretendo adquirir e ler em breve, pois já li o primeiro livro da autora e tenho ouvido falar muito bem deste.
    O facto de o comparares aos livros do Nicholas Sparks deixou-me mais curiosa porque sou uma grande fã do autor :)

    E concordo contigo em relação à capa; não gosto muito dela. Realmente a primeira capa era lindíssima!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Denise!

      Obrigada pela visita, e se realmente gostas do autor, então este livro é mesmo leitura obrigatória :) Espero que gostes!

      Beijinhos

      Eliminar
  2. *.* ó tão fofo! A primeira capa foi apenas um estudo que fiz para a Carina ter algo no Goodreads :) A segunda eu fiz mais ou menos a maquete e a autora enviou à Alfarroba. Ficou mais cor de rosa do que esperava de facto, mas a autora gosta da cor por isso :)

    Boas leituras :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) Desde que a autora goste do trabalho final, isso é que conta. Mesmo assim, continuo a achar a primeira capa muito mais bonita ^^

      Beijinhos

      Eliminar
  3. Olá,

    Ora então aqui temos umas escritora nacional com talento e que acredito proporcione uma excelente leitura dentro do genero, gostei de ler o teu comentário :)

    bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá migo,

      É verdade, se estiveres a fim de ler algo deste género, é sempre uma boa aposta!

      Beijinhos

      Eliminar

Obrigada por comentares :)