quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Book Blogger Hop #13


Como é que vai ser a leitura daqui a 100 anos? Haverá ainda livros impressos? E a evolução do e-readers? Como é que serão?

Gostaria de acreditar que a leitura daqui a 100 anos é como a leitura de hoje em dia. Pronto, se calhar um bocado mais acessível a todos - ler ainda é caro. E não, não se trata de uma ideia romântica.

Existia a vassoura, e nos finais do século XIX os primeiros aspiradores começaram a aparecer. As pessoas deixaram de usar a vassoura? Não (eu até prefiro, do que andar com um mostrengo atrás de mim pela casa).
Existiam os fósforos (descobertos no século XVII), e algures entre os séculos XVIII e XIX o isqueiro foi patenteado. E sim, ainda há muita gente a preferir os fósforos, apesar da evidente praticidade do isqueiro.
As velas são mais antigas do que sei lá o quê. E ainda se usam, para os mais diversos fins. Não em detrimento da lâmpada, sim, mas para algo especial, seja isso o que for.
Com isto quero dizer que não me acredito que o e-reader vá suplantar os livros, fazendo com que daqui a 100 anos (ou 500, ou o que quiserem) estes sejam material de museu, ou que deixem de ser impressos.

Os e-readers dão um acesso rápido, fácil e quase ilimitado a livros - e deixem-se de tretas, acusem-se piratas -, mas quem realmente gosta de ler, quem sabe o que é sentir o cheiro de um livro e o toque das suas páginas, sem dúvida irá passar esse sentimento aos filhos, e assim por gerações futuras. Não me acredito que seja um hábito em extinção.

Não sei como serão os e-readers daqui a 100 anos, nem tampouco alguma vez pensei nisso... Serão iguais, acho eu, com mais ou menos opções de personalização das letras e tamanhos, mas praticamente a mesma coisa.

Portanto, tenho esperança na raça humana! :)
E vocês, o que acham deste tema?

2 comentários :

  1. Ois miga,

    É um tema bem interessante e por muito que tente não me consigo adaptar ao digital que reconheço tem inumeras vantagens, nada como o livro físico.

    Mas acredito que daqui a 100 anos seja bem diferente e é inevitável dificlmente o livro irá resistir ;)

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fiacha,

      Não me acredito que desapareça, tal como disse. Acho que é um pouco inevitável para as gerações futuras a leitura digital, mas os livros, acredito, manter-se-ão sempre ^^

      Beijinhos

      Eliminar

Obrigada por comentares :)