Top Ten Tuesday #36

fevereiro 17, 2015

Imagem daqui

10 disfarces literários

Como o TTT desta semana não me interessou, decidi hoje trazer-vos alguns disfarces inspirados em livros, tal como tinha feito em 2013 (podem ver aqui). Gostam do Carnaval? Costumam mascarar-se de alguma coisa?

1.
 
Edgar Allan Pöe - não, Edgar Allan Ho. Esta versão mais sexual do escritor inclui um bilhete no bolso com o famoso Nevermore. Para quem não o entendesse, o rapaz dizia apenas que era uma versão hipster de Hitler.

2.
Alice and the White Rabbit
Uma ideia bonita para um disfarce a dois, sempre bem mais engraçada do que as duas partes de um cavalo.

3.
Edgar Allan Poe
Novamente um Edgar Allan Pöe, para pequeninos. Porque é de pequenino que se torce o pepino!

4.
Sirius Black, Harry Potter and the Prisoner of Azkaban | 17 Awesome Literary Halloween Costumes
Um disfarce do Harry Potter bastante interessante!

5.
Gregor Samsa, Metamorphosis
Quem consegue adivinhar este? Vá, pensem um bocadinho :) É certo que podia ser apenas um insecto, mas vamos pensar livro-mente e vamos associar ao pobre Gregor Samsa, de A Metamorfose.

6.
Gandalf, Lord of the Rings
Claro que não podia deixar de ter aqui uma fatiota para os nossos bichinhos. E que melhor que o poderoso Gandalf?

7.
The Shining-- but carry a roque mallet instead of an axe
Dêem largas à vossa imaginação...

8.
EDGAR ALLEN POE | appropriately dark, classic literary figure a for Halloween costume
Sim, Edgar Allan Pöe outra vez.

9.
I didn't get to be fat and happy dressing like an alley cat, believe me!
O Gato das Botas!

10.
Por último... penso que todos conseguem chegar lá. E é também o que eu penso de todo este fenómeno - para quem ainda não entendeu, uma anedota. Desculpem, mas...

Como é o vosso Carnaval?

You Might Also Like

2 comentários

  1. kakakakka o que me ri :) muito bom este post.. nunca me tinha lembrado de disfarces assim relacionados com livros.. amei :) hehehe
    eu escolhia aquele da alice :) um dia.. um dia :)

    * mary red hair *

    ResponderEliminar
  2. Que ideias tão originais!!!
    Este ano o meu Carnaval foi muito fraquinho. Nem os miúdos se mascararam!
    Beijocs

    ResponderEliminar

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.