[Novidades] Bizâncio - Dezembro

dezembro 16, 2015

ATENAS ANTIGA POR CINCO DRACMAS POR DIA,
de PHILIP MATYSZAC

Bem-vindos à Atenas Antiga – A Cidade dos Deuses e dos Génios! 
Viaje no tempo e conheça a cidade como a conheceria um turista do século V a.C. 
Aqui, no coração da primeira grande democracia do mundo, pode trocar argumentos com Sócrates no mercado, insultar políticos na assembleia e rir com as escandalosas comédias de Aristófanes no teatro.
Ou contemplar a paisagem maravilhosa que se avista da Acrópole, onde o Pártenon – o mais belo templo jamais construído – encarna o espírito de Atenas. Saiba o que ver e onde ir, o que pode comer e o que deve evitar na cidade de Péricles.

PÁGINAS: 168 | PVP: 13,5€ | EXCERTO

CASAS COM ESCRITOS,
de MARGARIDA ACCIAIUOLI

Depois de Os Cinemas de Lisboa e António Ferro - A Vertigem da Palavra , a Professora Margarida Acciaiuoli fala-nos, agora, neste seu Casas com Escritos , da casa.
Em 1755, um terramoto destruiu Lisboa e uma nova cidade nasceu com prédios de habitação colectiva, onde os lisboetas se abrigaram refazendo as suas vidas.
Mas será que o modelo de casa instituído pelo Marquês de Pombal, no século XVIII, mudou assim tanto ao longo do tempo? O que mudou e o que determinou as mudanças?
Mais do que um livro sobre a casa como lugar onde se desenrolam as nossas vidas, este é um documento sobre a história de Lisboa, das suas casas, das suas ruas e dos seus bairros. 

PÁGINAS: 784 | PVP: 24,75€

BABY BLUES #32,
de RICK KIRKMAN & JERRY SCOTT

No dia-a-dia dos MacPhersons não há monotonia! 
Nesta família de 2+3, como em todas as famílias com crianças cada dia é uma nova aventura. 
A série de tiras que foi iniciada 1990 continua actual e hilariante. 
Neste 32º volume pode contar com mais peripécias do dia-a-dia comuns a tantas famílias. 
Qualquer semelhança com a realidade não é mera coincidência!

PÁGINAS: 168 | PVP: 11,35€ | EXCERTO

AS CLARAS MADRUGADAS,
de AMADEU LOPES SABINO

Michel Lidzki, é um homem em fuga, como milhões de outros no século XX. 
Judeu, foge de tudo, até do judaísmo. 
Nos anos 60 e 70 do século passado, já perto do fim, Michel Lidzki convive com o filho da companheira belga: Baudouin Dunesme, ativista estudantil, operário, militante maoista e antissionista que adere de alma e corpo à guerrilha dos inimigos de Israel. 
Biografia ficcionada, crónica, narrativa histórica, As claras madrugadas trata da oposição-atração entre Michel e Baudouin. Um capítulo da pequena história e da História com maiúscula do século XX.

PÁGINAS: 528 | PVP: 14,39€

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.