quinta-feira, 30 de junho de 2016

[Mais Novidades] Marcador - Junho

DE PRIMATAS A ASTRONAUTAS,
de LEONARD MLODINOW

De Primatas a Astronautas é uma obra para os amantes da ciência. Mas é também para todos os que se interessam pelo pensamento criativo na busca constante do entendimento do nosso mundo. Este é um trabalho perspicaz e um tributo admirável à nossa curiosidade intelectual.
Há alguns milhões de anos, os nossos antepassados desceram das árvores e começaram a pôr-se de pé, libertando não só as mãos para criarem ferramentas, mas também a mente, de modo a lidarem com o mundo à sua volta.
Neste livro, exploram-se as condições culturais que influenciaram o pensamento científico através dos tempos. E exploram-se também as singulares personalidades de alguns dos grandes filósofos, cientistas e pensadores: Galileu, que preferia a pintura e a poesia à medicina e que acabou por abandonar a universidade; Isaac Newton, que espetava agulhas de coser nos olhos para melhor entender as alterações da luz e da cor. 
Charles Darwin, Albert Einstein e muitos outros menos famosos, mas igualmente brilhantes, pululam também por estas páginas. E cada uma das suas histórias mostra os triunfos do ser humano.
De Primatas a Astronautas é uma longa viagem do homem, da vida nas árvores ao entendimento do cosmos.

PÁGINAS: 360 | PVP: 18,95€

DESTINOS EM FALTA PARA O PASSAGEIRO DISTRAÍDO,
de LUÍS FILIPE BORGES

Quando Luís Filipe Borges se mudou da ilha Terceira para Lisboa, aos 18 anos, «sentindo-se cidadão de nenhures», viu uma frase escrita nas paredes de azulejo do Metro que lhe tem servido de inspiração: «Não sou ateniense nem grego, mas sim um cidadão do mundo.» 
Nas duas décadas seguintes, como escritor, cronista, comediante ou apenas enquanto turista, viajou pelo planeta sempre que pôde. Não engrossando as fileiras do turismo de massas nem como viajante profissional. Mas permanentemente com um olhar atento e uma grande disponibilidade para conhecer o outro. E para encontrar histórias e perceber o que se passa ao seu redor. 
Ou, como diz o autor: «A vida é demasiado breve para beber mau vinho e o nosso bairro demasiado modesto para lá caber o mundo.» 
Entre os relatos de viagem, há ainda capítulos cheios de dicas pertinentes e observações hilariantes para os aventureiros que se jogam no mundo - seja sobre o medo de andar de avião ou os truques para fazer a mala.
De Nova Iorque - onde bebeu uns copos com os atores de Sopranos - às aventuras noturnas em Cuba. Dos festivais de comédia em Itália ao Brasil descoberto através da música. Sem nunca esquecer o regresso aos Açores da sua infância e o olhar apaixonado, mas jamais acrítico, sobre Portugal e os portugueses. 
Com a capacidade mágica de nos colocar exatamente nos lugares que visitou e diante das pessoas que conheceu, faz de nós também os seus companheiros de viagem. 
Esta é a última chamada para Destinos em Falta Para o Passageiro Distraído!

PÁGINAS: 208 | PVP: 17,50€

VERTIGEM ASSASSINA,
de NELSON DEMILLE

Depois de um embate com um famigerado terrorista conhecido como O Leopardo, John Corey saiu da Unidade Antiterrorista e regressou a casa, na cidade de Nova Iorque. Arranjou emprego no Grupo de Vigilância Diplomática (DSG). 
Embora se pense que a nova tarefa de Corey no DSG - vigiar diplomatas russos que trabalham na missão na ONU - é um «trabalho calmo», ele não se importou nada de se livrar das garras do FBI, libertando-se da burocracia da vida de escritório.
Corey apercebe-se, contudo, de algo que o Governo dos Estados Unidos deixou escapar: aameaça bem real de uma Rússia que está a ressurgir.
Quando Vasily Petrov, coronel dos serviços de informações externas russos que finge ser diplomata, desaparece de uma festa em casa de um oligarca russo, em Southampton, é Corey quem tem de o encontrar.
O que andarão os russos a tramar, e porquê? Haverá a possibilidade de uma ameaça nuclear? Será que Corey irá, por fim, ser ultrapassado e ludibriado, ficando a América sujeita a um ataque mais nefasto do que tudo aquilo por que já passou?
Clarividente e arrepiante, o novo romance de DeMille leva-nos ao coração de uma nova Guerra Fria, com uma conspiração que tem Manhattan na mira e obriga a um verdadeiro contrarrelógio.

PÁGINAS: 304 | PVP: 17,50€

Sem comentários :

Enviar um comentário

Obrigada por comentares :)