[Maratona Literária] Read Along Setembro

setembro 02, 2016

Maratonas Literárias... sabem que adoro! Ainda por cima este mês entro de férias, dia 16, e o único plano que tenho é ler. São 30 dias de maratona, 30 dias de leitura, de oportunidades de livros fantásticos... Estou tão entusiasmada!

Eis o meu plano:

A Fazenda Blackwood (As Crônicas Vampirescas, #9)O Oceano no Fim do Caminho

Acabar A Fazenda Blackwood - vou na página 178.
Acabar O Oceano no Fim do Caminho - vou na página 100.

Para já é só isto, mas vou actualizando o post algumas vezes, pois de certeza que entretanto me vou meter a ler mais alguma coisa!

You Might Also Like

3 comentários

  1. Olá,
    Tenho alguma curiosidade sobre esse livro de Neil Gaiman, mas como já li opiniões boas e outras menos boas, ando um pouco reticente em adquiri-lo.
    Fico à espera da tua opinião. :) Estás a gostar?
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá :)

      Acabei de o ler ontem! Gostei mas... esperava algo diferente. Nem sei ao certo o que esperava, mas esperava gostar mais do que o que de facto gostei.

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Viva,

    Que belo plano sem duvida :D

    Bjs

    ResponderEliminar

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.