Outubro - Mês de Maratonas | Como Foi

outubro 31, 2017

Outubro está a umas horas do fim e foi realmente um mês incrível. Parece inacreditável mas consegui cumprir todos os desafios a que me propus, cumprir as maratonas e as TBR's prometidas, e é com um sorriso que deixo um dos meus meses favoritos do ano para trás. Novembro já está à espreita e com ele vêm coisas boas! Amanhã conto-vos tudo 😊

Vamos ver então:

Spook-a-Thon 2017
Spook-a-Thon
FrightFall 2017
FrightFall

Estas duas maratonas foram cheias de batota, vá! Usei a mesma TBR para ambas, mas não me arrependo de o ter feito. As maratonas da Elsa são sempre super engraçadas e apesar de não ter estado muito activa na maratona da Michelle, gostei bastante de participar.
Consegui completar a TBR! Sendo assim:

A Condessa ✓
A Múmia ✓
Fantasmas do Séc. XX ✓
Sonhos Malditos ✓
Despertar ✓
Fantasmas, Vampiros, Demónios e Histórias de Outros Monstros ✓

Fora da TBR ainda li A Síndrome de Peter Pan, o que faz um total de 7 belos livros. Bem mais do que eu estava à espera de conseguir! E A Múmia foi uma leitura conjunta, acho que na primeira metade toda a gente se atrasou 😅

Resultado de imagem para dewey's readathon

Depois, tivemos o Dewey's, que eu não consegui participar nas 24 horas mas que, como sempre, é das melhores alturas do ano para se ler.


Tivemos, ainda, a #lecomoestiveres, da Dora, a qual eu também queria ter participado mais do que fiz, ainda fiquei com algumas fotografias tiradas que não cheguei a partilhar, mas outras oportunidades e outros momentos chegarão.

Foto de Roberta Frontini.

Por fim, juntei-me à Maratona Literária Outono/Inverno 2017, que vai durar até Janeiro e que conta, apenas, com 20 livros 😆

O meu maior arrependimento, em Outubro, foi não ter podido ir ao Festival Bang!, mas espero sinceramente vê-lo num sítio mais perto de mim ou então, pelo menos, ter mais disponibilidade para ir tão longe!

Espero que o vosso Outubro tenha sido tão satisfatório, ou melhor, que o meu. E que Novembro seja ainda melhor ✌

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.