[Maratonas Literárias] Magic Read-a-Thon

abril 02, 2018


Hoje começa uma Maratona que eu queria ignorar mas ao mesmo tempo queria tanto participar que não pude resistir. É baseada nos OWL's de Harry Potter e, quantos mais desafios cumprirmos, melhor será a nossa nota final. Cada desafio corresponde a uma disciplina em Hogwarts, e as categorias que escolhermos vão ser determinantes no futuro para os NEWT's.
Podem ver os desafios originais aqui, de uma forma super fofa e engraçada, através de uma carta de Hogwarts.

Data: de 2 a 29 de Abril

Desafios:

Runas Antigas - um livro com um símbolo na capa
Aritmancia - um livro com um número na capa ou no título - A Nona Configuração
Astronomia - um livro de ficção científica - Scarlett
Cuidados das Criaturas Mágicas - um livro com criaturas mágicas na história ou na capa - Gélida Luz
Feitiços - um livro de fantasia - A Garota que Bebia a Lua
Defesa Contra as Artes Negras - um livro que envolva sociedades ou clubes secretos - A Livraria 24 Horas do Sr. Penumbra
Adivinhação - um livro que envolva profecias
Herbologia - um livro cujo título tenha uma palavra relacionada com a Natureza
História da Magia - um livro de ficção histórica - A Noiva Fantasma
Estudos dos Muggles - um livro de não-ficção - Lobos que Foram Homens
Poções - um livro que envolva alquimia - Bruxa de Ferro
Transfiguração - um livro que envolva transfiguração ou com um gato na capa - Sangue Mágico

Para ser um verdadeiro desafio, um livro apenas dá para uma categoria. Encontrei para quase todas, mas faltam-me três. Para já, eis a minha TBR:

A Nona ConfiguraçãoScarlet (Crônicas Lunares #2)
Gélida Luz (Favole #3)A Garota Que Bebeu A LuaA Livraria 24 horas do Mr. Penumbra (Mr. Penumbra's 24-Hour Bookstore, #1)
A Noiva FantasmaA Bruxa de FerroSangue Mágico (Kate Daniels, #1)


You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.