[Desafio] Livros para Filmes - Halloween

novembro 01, 2016


Durante o mês de Outubro, deixei esta rubrica a correr no Eu e o Bam, com o objectivo de conseguir ver os filmes. Eu sei que fui um bocado irrealista, e o resultado provou isso mesmo... estar parada à frente da televisão não é o meu forte!

Filmes vistos

A Profecia
Carrie
Dracula
Frankenstein
O Silêncio dos Inocentes
A Semente do Diabo
Diário Secreto de um Caçador de Vampiros
Candyman
1408
Hellraiser - Fogo Mortal

Filmes que já tinha visto

O Exorcista
Entrevista com o Vampiro
Sei o que Fizeste no Verão Passado
The Ring - O Aviso

Foi quase metade do mês - embora eu não tenha postado um filme por dia.

A Profecia - já tinha visto o filme mas ficou nesta lista que foi há tantos anos que nem me lembrava. É um filme... normal. Pouco assustador.
Carrie - gostei bastante da adaptação mais recente. Já tinha visto o primeiro e este está muito parecido, apenas mais recente. Dos meus preferidos do desafio.
Dracula - finalmente vi o filme. Já tinha tentado ver várias vezes e a minha opinião final é simples... como é que de um livro tão bom conseguiram fazer um filme tão mau? Adormeci tantas vezes...
Frankenstein - só a meio do filme me apercebi que já tinha visto o final. Mesmo assim, dos melhores do mês.
O Silêncio dos Inocentes - finalmente já posso dizer que vi o raio do filme! Muito bom também.
A Semente do Diabo - um filme normal.
Diário Secreto de um Caçador de Vampiros - completamente diferente do que esperava... e não pelo melhor.
Candyman - um filme interessante.
1408 - também já o tinha visto mas não me lembrava de nada. Revê-lo foi óptimo, um bom filme.
Hellraiser - outro icónico, mas depois de tantos anos, nada assustador... uma boa história.

Também comecei a ver o The Amityville Haunting (2011), mas adormeci a meio e depois só vi o fim. No entanto, pelo que me apercebi, não perdi assim muita coisa.

Sim, sou muito má a comentar filmes. Já vi tantos filmes de terror que poucos têm o condão de me assustar - e não digo isto por ser a maior, simplesmente é a verdade. Uns jump scares aqui, outros acolá, mas aquela emoção de ver um filme verdadeiramente bom, já não sinto há algum tempo. Quanto a livros... Só li mesmo O Exorcista e Entrevista com o Vampiro, mas tenciono ler, pelo menos, Carrie.

Quem sabe faça um desafio assim para o Natal? :)

O Génio do Mal PosterCarrie PosterDrácula de Bram Stoker PosterFrankenstein de Mary Shelley PosterO Silêncio dos Inocentes PosterA Semente do Diabo PosterDiário Secreto de um Caçador de Vampiros PosterAssassino das Trevas Poster1408 PosterFogo Maldito Poster

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.