Bout of Books 18

janeiro 01, 2017

Pois é, com quatro anos de Eu e o Bam, e o raio das maratonas Bout of Books sempre me escaparam! Mas este ano, para começar em grande, vamos agarrar a primeira que começa já já já amanhã.

Bout of Books

The Bout of Books read-a-thon is organized by Amanda Shofner and Kelly @ Reading the Paranormal. It is a week long read-a-thon that begins 12:01am Monday, January 2nd and runs through Sunday, January 8th in whatever time zone you are in. Bout of Books is low-pressure. There are challenges, giveaways, and a grand prize, but all of these are completely optional. For all Bout of Books 18 information and updates, be sure to visit the Bout of Books blog. - From the Bout of Books team

Basicamente, uma maratona de uma semana, com desafios, prémios e muita leitura à mistura. Os meus planos são apenas começar a ler Príncipe Lestat e provavelmente intercalar com A Senhora de Shalador. Estou ansiosa pelos desafios!

E por aí, há mais algum participante do Bout of Books?

You Might Also Like

2 comentários

  1. I'm excited about Bout of Books 18. I did well on my reading goals. How about you?
    Happy page turning and happy New Year!
    If you come across a 2017 debut author, please let me know! - J
    http://jlennidornerblog.what-are-they.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. I wasn't that very good at completing my goals, but I read some other things :) I wanted to do the challenges, but I did none... :/

      I'll let you know! Happy New Year!

      Eliminar

Obrigada por comentares :)

Um livro é muito mais do que um volume transportável. Um livro é uma mala que levamos connosco quando vamos viajar, pois nele temos tudo o que precisamos. Um livro é mais do que um bem comercializável, é o orgulho de carregar a alma em palavras do seu autor. Um livro é mais do que um livro, ao fim e ao cabo. É o nosso pai e a nossa mãe quando se precisa, nunca esperando mais de nós mas sempre lá para nos dar uma lição. É mais do que um amigo, pois não nos julga, não nos faz perguntas; ouve o nosso interior e responde às questões que nem nós sabíamos que tínhamos cá dentro. Um livro é mais do que um amante, duro como a realidade: umas vezes sonhamos e deleitamo-nos nas suas folhas, outras deixamos dobradas, riscadas, magoadas, outras deixamos a um canto e nunca mais olhamos. Desperta em nós uma panóplia de sensações: o toque da capa, da folha; o cheiro das páginas; o prazer da beleza da capa, das letras. Um livro é mais do que isto tudo, e ainda mais do que isso. Porque com ele viajamos, sonhamos, vivemos, aprendemos, amamos, sentimos, choramos e rimos, tudo sem sair do sítio. E uma façanha destas, vinda de algo tão pequeno e tão frágil, é quase comovente.